NOTÍCIAS

Alemanha libera entrada para o campeonato europeu sem quarentena

O Ministério Federal do Interior, Construção e Assuntos Internos da Alemanha anunciou que as pessoas que vão participar do campeonato europeu de Futebol estão agora isentas da quarentena, mesmo que entrem de uma área de variante do vírus.

No final desta semana, o gabinete deve decidir sobre outros ajustes em relação aos regulamentos de entrada impostos devido ao, COVID-19.

Comunicado do Ministério sobre o campeonato europeu

Alemanha liber entrada para o campeonato europeu sem quarentena
Alemanha liber entrada para o campeonato europeu sem quarentena

“O campeonato europeu de Futebol é um grande evento esportivo que o mundo inteiro está assistindo e por cujo sucesso a Alemanha fará a sua parte. Tivemos boas experiências com as medidas de higiene na Bundesliga, feitas na Copa DFB e na Liga dos Campeões, aliás também em outras modalidades. Estamos enviando nossos atletas olímpicos para Tóquio ”, diz o comunicado do Ministério sonbre o campeonato europeu.

Além disso, o Ministro Federal do Interior, Horst Seehofer, disse que a Alemanha apoiará o evento, já que o Campeonato Europeu de Futebol é um dos principais torneios esportivos assistidos em todo o mundo.

A isenção se aplicará a todos os participantes que tenham sido autorizados pela comissão organizadora e permanecerá em vigor até 28 de julho de 2021. Ainda assim, todos são obrigados a respeitar as medidas de higiene e estarão sujeitos a testes diários.

Atualmente, a Alemanha permite a entrada apenas para viajantes dos Estados-Membros da União Europeia e de países do Espaço Schengen, incluindo Islândia, Noruega, Suíça e Liechtenstein.

Além disso, de acordo com a recomendação da UE, chegadas da Austrália, Japão, Israel, Nova Zelândia, Cingapura, Coréia do Sul e Tailândia também têm permissão para entrar na Alemanha.

Leia também:

Chegadas de países da UE / área Schengen que são colocados nas áreas de alta incidência ou na lista de áreas de risco devem se registrar online e enviar um resultado de teste negativo realizado em 48 horas.

No entanto, as autoridades revelaram que os viajantes que foram vacinados contra o COVID-19 ou se recuperaram do vírus podem pular os testes e os requisitos de quarentena.

Por outro lado, a Alemanha impôs restrições estritas ao campeonato europeu, contra países onde as mutações do COVID-19 se espalharam amplamente, também conhecidas como áreas de variantes de vírus. Essa lista inclui Botsuana, Brasil, Eswatini, Índia, Lesoto, Malaui, Moçambique, Nepal, Zâmbia, Zimbábue, África do Sul, Uruguai e Irlanda do Norte.

Exceto para os países mencionados acima, viajantes do Reino Unido também foram proibidos de entrar na Alemanha devido às mutações do COVID-19 prevalecentes no país.

Anteriormente, a Alemanha transferiu a Lituânia, a Suécia, a Turquia e várias outras regiões para a lista de áreas de risco simples , o que significa que as chegadas desses países não estão mais sujeitas a requisitos de entrada rígidos.

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo